You are here

travagem mecânica, guindaste pneumático, guindaste de

freio, pneumático: através do gás comprimido, este método controla ou reduz a velocidade.

armação cantilever: utilizada para suportar o carro de um guindaste mural, sendo considerada como um membro estrutural.

cabine, normal: utilizada para o controlo de um guindaste operado por cabine, trata-se do compartimento do operador.

painel de controlo: refere-se a conjunto de componentes, tais como componentes estático, magnético,  pneumático, hidráulico e mais, que controla o fluxo de alimentação para ou a partir de um motor ou outro equipamento como resposta ao acionamento da botoeira de comando, interruptor master, programa automático, controlo remoto ou outro dispositivo semelhante de sinalização.

travagem, serviço: durante o funcionamento normal, este método desacelera o movimento do guindaste.

guindaste operado por cabine: estes guindastes utilizam os controladores que se encontram numa cabine, controlada por um operador de guindaste, ligada ao guindaste com vista a controlar os seus movimentos.

cabine: utilizada para assumir o controlo de um guindaste, trata-se do compartimento do operador

controlador, manual: refere-se a um controlador cujas funções básicas são executadas por dispositivos que funcionam manualmente.

ponte: refere-se à parte do guindaste constituída por ligações terminais, carros, passarelas, uma ou mais vigas, bem como pela parte utilizada para transportar o carro ou, em certos casos, carros conhecidos como mecanismo de transmissão.

cabine, armação: frequentemente utilizada para a operação rara de guindastes operados no piso ou remotamente a partir da cabine, trata-se do compartimento do operador.

para-choques: quando um carro ou guindaste em movimento atinge o fim do seu percurso autorizado, ou quando dois carros ou guindastes em movimento entram em contacto, este dispositivo é utilizado para reduzir o impacto. Este dispositivo é frequentemente ligado ao carro, passagem ou ponte.

folga: refere-se à distância entre qualquer peça do guindaste e o ponto da obstrução mais próxima.

coletores, corrente: utilizados para recolher a corrente da ponte ou dos condutores de passagem, trata-se de dispositivos de contacto.

condutores, ponte: situam-se frequentemente ao longo da estrutura da ponte de um guindaste. Estes dispositivos são condutores elétricos que transmitem a alimentação e sinais de controlo ao(s) carro(s).

condutores, passagem (principal): situam-se frequentemente ao longo da passagem de um guindaste. Estes condutores elétricos transmitem alimentação, bem como sinais de controlo ao guindaste.

controlador: este dispositivo é utilizado de um modo pré-determinado, sendo a alimentação diretamente transmitida ao aparelho ao qual se encontra ligado. Pode referir-se a um dispositivo ou grupo de dispositivos.

travagem, regenerativa: trata-se de um método em que a energia elétrica gerada pelo motor é devolvida ao sistema de alimentação, permitindo deste modo controlar ou reduzir a velocidade.

mola de retorno do controlador: aquando da sua liberação, este controlador irá automaticamente regressar para uma posição neutra ou desligada.

deslocamento da ponte: tal ocorre quando um guindaste se desloca paralelamente à passagem do guindaste.

guindaste, automático: este guindaste funciona através de um ciclo ou vários ciclos pré-definidos aquando do seu arranque.

guindaste: dispositivo concebido para descer e elevar uma carga, bem como para deslocar horizontalmente uma carga. Esta máquina dispõe de um mecanismo de içamento que é a parte essencial da máquina.

guindaste de pórtico cantilever: um guindaste tipo pórtico ou semipórtico onde a viga de rótulo ou vigas da ponte atingem vão para além, e transversalmente, do monotrilho do guindaste em um ou ambos os lados.